Sobre a sessão de desenho 17.04.2018

April 30, 2018

 

 

Rubens é tudo o que ele tem. Tudo o que precisa está contido nele mesmo. Qualquer coisa externa é, senão, uma ferramenta para acessar o que já está nele. Ter assimilado isso cedo, o ajudou na manobra de absorver esse mundo estranho, externo, ao seu mundo interno de forma que já não mais existe uma cisão.

A água, usada para fragilizar o papel, é ele. O barbante, junto de sua força para pressionar o papel, é ele. O papel monval 300g/m, é ele.

Rubens foi muito longe em querer saber quem é ele.

Quem é mesmo Rubens Espírito Santo. O que caberia ele fazer com a vida que lhe foi dada. Não, a vida não lhe foi dada. Mas como agarrar a vida, o nome, a carne e o coração pulsante que habitam esse corpo a quem foi confinado.

Não ser um confinado amargo que entre as grades, observa o guarda segurando as chaves que o olha de volta, com cara de deboche - já que é o possuidor de sua liberdade.

Mas um confinado que entre as grades segura a chave de sua cela em seu punho, que entende que ali é o lugar que pertence.

Os grandes artistas não procuram a verdade em outro lugar a não ser neles mesmos. Existe sim uma grande verdade, uma questão essencial do homem que percorre o tempo. Assim como outros grandes homens, ao se aprofundarem em suas questões pessoais, se aprofundaram no abismo que é ser humano, chegando em algo universal.

O ponto de encontro entre Rubens, Duchamp, Agnes Martin - e outros grandes - é exatamente no esgotamento de ser.

Nos ensinaram e insistem em dizer que nossas chaves estão com o guarda lá fora. Mas na verdade, ela se encontra entre nossos ossos e todas as camadas de pele que possuímos em nossos corpos.

Tags:

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes

October 24, 2018

October 22, 2018

October 16, 2018

October 16, 2018

October 16, 2018

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Atelier do Centro - G1

Rua Epitácio Pessoa, 91, República, São Paulo

3129-3977 // 99537-5396 (RES)

Segunda à sexta: 8h às 17h

atelierdocentro@gmail.com

Galpão do Centro - G2

Rua Teodoro Baima, 39, República, São Paulo

CECAC - Centro de Estudos Conglomerado

Atelier do Centro - G4

Rua Teodoro Baima, 51, SL 1, República, São Paulo

Atelier do Centro - G5

Rua Teodoro Baima, 88, República, São Paulo

Coleção Àlex Muñoz - G6

Carrer del Segle, 5, Premià de Mar

08330 - Barcelona, España

OPCAC - Oficina Prática Conglomerado Atelier do Centro

Rua Teodoro Baima, 39, República, São Paulo

www.opcac.xyz

Vernacular - Editora Atelier do Centro

www.ccsvernacular.com

www.medium.com/@carolccs

  • YouTube
  • Instagram